Os campos dourados de Arroz Amargo

E o cenário é duradouro: a região piemontesa é uma das mais importantes produtoras de arroz da Europa. Por essas paragens, fazendas centenárias esperam o início da colheita, em setembro – quando os campos mudam do verde para o dourado.

 

O arroz tornou a Província de Vercelli, Piemonte, tão famosa, que a região serviu como inspiração e locação para um dos clássicos do cinema italiano: Arroz Amargo (Riso Amaro, 1949). O filme mostra a rotina de trabalho das mondine, mulheres que vinham de todas as partes da Itália para trabalhar por um curto período nos arrozais. Por isso não causa estranheza encontrar na Tenuta Colombara, em Livorno Ferraris, Vercelli, uma foto da bela Silvana Mangano, atriz principal de Arroz Amargo, estampando uma das paredes da fazenda construída no século 16.

Cíntia Bertolino, jornalista, em O Estado de S. Paulo (22 de junho de 2011; leia aqui a matéria). Acima, as mulheres de Arroz Amargo (com Mangano na quarta posição, da esquerda para direita); abaixo, Mangano nas filmagens.

Curta nossa página no Facebook e siga nosso canal no YouTube

Veja também:
Era Uma Vez em… Hollywood, de Quentin Tarantino

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s