Bastidores: O Evangelho Segundo São Mateus

Em palavras muito simples e pobres, eu não creio que Cristo seja o Filho de Deus, porque não sou crente, pelo menos conscientemente. Mas acredito que Cristo seja divino, isto é, creio que nele a humanidade era tão grande, rigorosa, ideal, que ultrapassava os sentidos comuns para humanidade. Por isso falei de “poesia”: instrumento irracional para exprimir este meu sentimento irracional por Cristo.

Pier Paolo Pasolini, em declaração retirada de Lettere 1955-75, publicada no livro Pier Paolo Pasolini (Cosac & Naify).

Curta o Palavras de Cinema no Facebook

o evangelho segundo são mateus2

o evangelho segundo são mateus3

o evangelho segundo são mateus

Veja também:
Bastidores: Noites de Cabíria

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s